reduzir as olheiras

Dicas para atenuar as olheiras

Você sabia que as olheiras muitas vezes estão associadas a fatores hereditários? Elas aparecem por causa do acúmulo de vasos e má circulação sanguínea no local, pelo excesso de pigmentação e pela profundidade e flacidez na região. O estresse e noites mal dormidas podem também piorá-las!

Não há nenhum tipo de tratamento que elimine as olheiras, porém, existem medidas e terapias que podem ajudar a atenuá-las. Confira as orientações neste artigo!

1. Vida saudável e controle emocional

Como dito anteriormente, o estresse e o sono de qualidade ruim são grandes potencializadores das olheiras, pois acarretam em um aumento da circulação local e, consequentemente, do edema. Manter um hábito de vida saudável de forma geral, com um bom controle emocional (individual ou com ajuda de profissionais), evitando-se o uso de tabaco e álcool e se esforçando em busca de um sono de qualidade, já possibilitam importante melhora no aspecto das olheiras.

2. Massagem e gelo para diminuir o inchaço

A massagem local funciona como uma drenagem linfática, se feita de forma correta. Associada a aplicação de gelo, visa diminuir o acúmulo de líquido e o inchaço aparente. 

Com uma pequena pressão a partir do canto interno, deslize o dedo até o canto externo da pálpebra inferior, repetindo o movimento várias vezes. Execute também movimentos circulares leves na região. Ao final das massagens, aplique bolsa de água gelada por cerca de 10 minutos para reduzir ainda mais o inchaço local.

3. Uso de cosméticos

No mercado já existe uma infinidade de produtos que prometem reduzir o inchaço, melhorar o aspecto manchado e rejuvenescer a área dos olhos. Infelizmente não há até o momento nenhum creme ou pomada que seja muito eficazes. De toda forma, manter uma boa hidratação da pele das pálpebras, uso de algum fator clareador e aplicação de protetor solar ajudam a melhorar um pouco o aspecto das olheiras.

4. Preenchimento com ácido hialurônico

Quando há uma depressão na região inferior dos olhos – presente na maioria das pessoas – o preenchimento com ácido hialurônico é sem dúvida o melhor tratamento.

A aplicação do ácido, em forma de gel, vai atuar a depressão possibilitando um nivelamento da pele. Apesar de não atuar sobre a pigmentação em si, é possível observar muitas vezes melhora também na cor, pois a sombra que antes aparecia devido ao aspecto escavado tende a desaparecer.

5. Melhorando o colágeno da pele

A flacidez de pele na região inferior dos olhos pode ser atenuada com vários tipos de terapias que ajudam a induzir colágeno. O LASER de CO2, o Microagulhamento e os Peelings são exemplos de tratamentos que têm este objetivo. Normalmente são realizadas mais de uma sessão e são necessárias sessões de manutenção.

Vale lembrar que existem alguns tipos de LASER que também podem ajudar a tratar a pigmentação das olheiras.

6. Cirurgia das pálpebras

Para os casos em que há excesso importante de pele e de bolsas nas pálpebras inferiores, a Blefaroplastia ou cirurgia plástica das pálpebras pode ser uma boa opção. Nesta cirurgia retira-se pele e bolsas gordurosas e, estas últimas, podem ainda ser utilizadas para preencher a região deprimida que contribui para a formação das olheiras.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião plástico em Patrocínio.

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp