Fios de sustentação

Fios de sustentação: o que são e quando o procedimento é indicado?

Você é aquela pessoa que se olha no espelho e pensa: “Preciso recorrer a um procedimento que rejuvenesça o meu rosto o quanto antes”? Se respondeu “sim”, saiba  que uma das queridinhas da vez para esse rejuvenescimento é a técnica que usa fios de sustentação para melhorar a flacidez, com resultados normalmente bem naturais.

Como funciona a aplicação dos fios de sustentação

O médico injeta anestésico em alguns pontos na área de tratamento, para deixar o paciente mais confortável. Então, os fios são introduzidos nos tecidos mais profundos, com a ajuda de uma agulha (como as usadas em acupuntura) na área requerida. O processo dura, em média, 1 hora e o paciente é liberado logo em seguida.

O material inserido é absorvível e se degenera com o tempo, estimulando a cicatrização local e contraindo o tecido. Existem, basicamente, 2 tipos de fios mais utilizados: os de PDO, feitos de polidioxanona, cuja durabilidade é de 6 a 8 meses; e os de ácido-polilático, que são maiores e mais resistentes, por isso, são absorvidos mais lentamente, logo, a duração é maior — cerca de 1 ano.

Como subcategorias, existem fios sem âncoras, que proporcionam um lifting mais suave e com alta produção de colágeno; e os com âncora, que fazem um lifting maior e mais duradouro.

É igual cirurgia plástica?

Não. Na cirurgia plástica de lifting, a pele é descolada, cortada, puxada para cima e costurada em outro posicionamento. Já na colocação de fios de sustentação, o poder de tração é limitado, já que não há retirada de pele.

Os locais mais escolhidos por pacientes para a realização dessa técnica são testa, bochechas superiores e inferiores, pescoço, dobras nasolabiais e boca. Os fios também podem ser utilizados no corpo para tratamento do “umbigo triste”, abdome,braços e coxas flácidos, dentre outros.

Todo mundo pode fazer?

Geralmente, o procedimento é indicado para pessoas com 30 anos ou mais, etapa em que o rosto começa a apresentar os primeiros sinais de envelhecimento. Mas, e se eu quiser fazer antes? Depende, se a flacidez for considerável, sim, é possível. Importante dizer: se há flacidez severa, o melhor a se fazer é optar por uma técnica mais resolutiva, a cirurgia.

Cuidado

O procedimento de inserção de fios de sustentação deve ser feito por um profissional habilitado e com expertise nesse tipo de intervenção. O ambiente também deve ser adequado, com toda a assepsia necessária. É natural que a pessoa apresente inchaço, vermelhidão e até mesmo hematomas, que desaparecem logo nos primeiros dias. O uso de medicamento para aliviar esses desconfortos deve ser orientado pelo médico. Importante evitar excesso de movimentação para comer e falar, além de dormir com o abdômen voltado para cima por 4,5 dias.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder os seus comentários sobre esse assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião plástico em Patrocínio.

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp